Sentados numa nuvem (artigo de Clotilde Tavares)
Tribuna do Norte - Natal - RN - 25 de maio de 2003

(...) Um outro projeto do mesmo nome e igual importância é o site “Memória Viva”, mantido na Internet pelo jornalista Sandro Fortunato, por sua própria iniciativa, sem verbas oficiais ou patrocínios de qualquer espécie. O site é hospedado pela Diginet, que colaborou com o projeto, e lá se encontram informações sobre Jesiel Figueiredo, Berilo Wanderley, Zila Mamede, Nísia Floresta, Manoel Dantas, Ferreira Itajubá e Café Filho, havendo planos de incluir mais nomes. Como não poderia deixar de ser, Luís da Câmara Cascudo também faz parte do site, ocupando um grande número de páginas. Há uma bibliografia completíssima do mestre, muitas - e excelentes - fotografias, frases de Cascudo sobre vários assuntos e a transcrição do roteiro do programa Depoimento TV Cultura sobre Cascudo, da Secretaria de Cultura, Ciência e Tecnologia do Governo do Estado de São Paulo, produzido em 1978. Nesse roteiro há depoimentos de pessoas que conviveram com Cascudo como Carlos Lyra, Vicente Serejo, Diógenes da Cunha Lima e Anna Maria Cascudo. Há também o próprio Cascudo falando de si mesmo. (...)